Artigo:

Desde sua criação em 1996, Crash Bandicoot tornou-se um dos personagens mais icônicos dos videogames. Com sua personalidade enérgica e destemida, o marsupial laranja conquistou os corações de jogadores de todo o mundo. Mas além de sua popularidade, Crash Bandicoot também se tornou uma verdadeira relíquia dos videogames. Vamos descobrir a história por trás deste clássico dos jogos.

O início da saga

Tudo começou em meados dos anos 90, quando a Naughty Dog, uma pequena empresa de desenvolvimento de jogos, decidiu criar seu próprio personagem. Com inspirações em animais como bandicoots, tatus e gambás, surgiu a figura do marsupial laranja chamado Crash Bandicoot. O objetivo era criar um jogo de aventura e plataformas com um personagem divertido e cativante.

Assim, em setembro de 1996, foi lançado o primeiro jogo da saga, intitulado simplesmente Crash Bandicoot. O jogo se destacou por sua jogabilidade inovadora, gráficos coloridos e uma trilha sonora marcante. Com isso, a Naughty Dog conseguiu um grande sucesso e rapidamente lançou uma sequência, Crash Bandicoot 2: Cortex Strikes Back, em 1997.

A segunda fase

Se no primeiro jogo a aventura se passa em três ilhas, no segundo, a história ganha uma escala maior. A trama envolve o vilão Dr. Neo Cortex, que retorna para se vingar de Crash. A jogabilidade e a qualidade gráfica foram ainda melhores desta vez, aumentando a popularidade da saga.

O segundo jogo se tornou um clássico, recebendo vários prêmios e elogios do público, além de uma indicação ao Grammy pela trilha sonora. A franquia se expandiu ainda mais com mais jogos, como Crash Bandicoot: Warped (1998) e outros títulos que foram lançados para outras plataformas.

A Relíquia

Após anos de sucesso, Crash Bandicoot tornou-se uma verdadeira relíquia dos videogames. Com a chegada da nova geração de consoles, os jogadores começaram a sentir a nostalgia de jogar os clássicos pela primeira vez. A popularidade foi tanta que em 2017 a Activision lançou um jogo completamente novo, Crash Bandicoot N. Sane Trilogy, que incluía os três primeiros jogos remasterizados com gráficos melhorados.

A essa altura, a franquia Crash Bandicoot já havia vendido mais de 40 milhões de cópias no mundo inteiro e se tornou um verdadeiro ícone dos videogames. Sua popularidade ultrapassou gerações e culturas, e continua a ser um dos jogos mais reconhecidos e amados até os dias de hoje.

Conclusão

Como vimos, Crash Bandicoot é muito mais do que apenas um jogo. Ele é uma verdadeira relíquia dos videogames, uma criação que marcou uma geração e se tornou um clássico. Com sua jogabilidade inovadora, gráficos marcantes e personagem cativante, Crash Bandicoot conquistou o coração dos jogadores de todo o mundo e deixou uma marca indelével no mundo dos videogames. A Relíquia do Crash Bandicoot continuará a ser admirada e jogada por muitas gerações.